De Milão para a Europa com Flixbus!

Como vocês sabem, moramos atualmente em Milão, se não sabia agora sabe. Um dos motivos que escolhemos morar aqui foi pela facilidade na locomoção para outros lugares da Europa. Usamos a Flixbus, nossa opção para transporte rodoviário!

Aqui em Milão tem várias opções! São três aeroportos, três grandes estações de trens e estradas com pedagio (rápidas) ou sem pedagios (lentas mas com as melhores vistas). Mas claro, que cada uma dessas opções tem seus prós e contras.

Aeroportos, são distantes ou com certa dificuldade de acesso. Malpensa, pode ir de carro, mas tem vários ônibus que saem da estação Centrale e tem o trem expresso. Essa opção custa €13 cada trecho ou €20 comprando ida e volta (válida por 30 dias). Linate, se chega de carro ou de ônibus urbano que liga no metro. Já o aeroporto de Bergamo as opções são carro ou ônibus( saindo a estação central).

 

Captura de Tela 2017-10-18 às 10.57.06

 

 

Viajar de avião pela Europa não é caro, mas também não é a coisa mais barata desse mundo. Temos a Ryanair, mas outro dia falo sobre ela ( e sobre as low costs que operam aqui).

A malha ferroviária também é vasta, você pode pegar de várias empresas! Italotreno e Trenitalia são algumas delas e as estações principais são Centrale, Garibaldi e Cadorna. Cada uma tem um foco nos destinos sendo uma internacional, outra cidades mais distantes da Itália e outra cidades mais próximas a Milão.

 

schema_rete_metro(2)

 

Alugar um carro e pegar a estrada é bem barato, mas há riscos de sermos enganados por empresas pilantras  (como Allamo, mas depois que resolvermos o problema com ela faço um post sobre).

Para quem não quer ter dor de cabeça com carro, onde estacionar, que caminho pegar, não apreciar a paisagem por que esta dirigindo e por ai vai, pode pegar um ônibus.

Nesse post, vamos contar a nossa experiência com a Flixbus indo para Zurique (Suiça).

Não é a primeira vez que viajamos com eles, mas o que é FLIXBUS?

Uma dessas formas de viajar pela Europa de forma barata e confortável é a FLIXBUS. Uma empresa de ônibus alemã com vários itinerários pelo continente! Pelo site ou pelo app é muito fácil ver os horários e preços, mas é sempre bom comparar com os valores e horários de trens ( algumas vezes viajar com a Italo vale mais a pena por ser mais rápido ou mais barato).

A FLIXBUS é uma jovem empresa alemã, eles se intitulam uma combinação de startup tecnológica, plataforma de e-commerce e empresa de transportes. E, em pouco tempo, se tornaram a maior empresa de transporte de ônibus entre cidades da europa. Ela foi fundada em 2011.

 

DC_2017ago20_001

 

Em Milão a saída dos ónibus são de dois pontos Lampugnano e Sesto San Giovanni. Sempre pegamos em Lampugnano então não sabemos ainda como é a outra estação.

 

DC_2017ago20_001-2

 

Bom, as outras vezes que viajei de FLIXBUS, foi tudo quase lindo e maravilhoso! Uma vez ou outra que o WIFI não funcionava ou a tomada não carregava. Mas dessa vez que pensamos em escrever sobre eles, aconteceram várias coisas negativas. Que não tiram o mérito da empresa ou do modo de viajar, mas que servem de alerta para os próximos viajantes.

O que aconteceu??

Para começar o ônibus que chegou para nós não era um ônibus oficial, era um todo branco, sem a logo da empresa. Ok, até ai sem grandes problemas, os funcionários estavam devidamente uniformizados e nos orientaram que aquele era o ônibus correto. Infelizmente não foi o único pormenor: por dentro ele estava sujo e cheirando urina (o ônibus tem banheiro, sempre foi ok, mas nesse não estava muito bem limpo).

Outra coisa: nessa viagem o motorista só falou alemão e uma outra coisa parecida com inglês. Teoricamente ele precisa falar também em italiano. Ele atrasou a viagem em 1 hora mais ou menos.  E fomos parados na fronteira da Suíça onde os policiais fizeram o controle de todos os passageiros (checando todos os documentos) e isso levou um tempo (somado ao já atraso do motorista).

Uma coisa legal era que tinha água e suco na geladeira do ônibus.Pontinhos positivos! E o wifi estava pegando bem também.

É bagunçado?

Eu ia colocar a bagunça para colocar as malas no bagageiro como um ponto negativo, mas acho que nem é, é normal a confusão! Funciona assim: o motorista ou algum auxiliar de plataforma avisa quais são os bagageiros de cada parada.  Por exemplo, o nosso ônibus saía de Milão para Frankfurt com parada em Zurique, então o primeiro bagageiro era para quem ia descer em Zurique, e ai você mesmo coloca sua mala, que provavelmente será “ajeitada” por outro passageiro para caber a dele. No desembarque é a mesma coisa,  cada um pega a sua e não tem um controle com código ou coisa parecida.

 

DC_2017ago20_001-3

 

Parece terra de ninguém, mas a cultura europeia ajuda! Ninguém mexe no que não é seu, então dá uma certa segurança.

Não tem lugar marcado, então para entrar e escolher um lugar ai sim é na ombrada. Nesse momento o europeu esquece que é europeu, mas e quem já pegou metro na Sé em São Paulo tem vantagem nesse quesito.

 

Dos momentos não tão legais da ida para Zurique, alem do cheiro de urina foi que as tomadas do ónibus não funcionavam.

Bom, chegamos em Zurique, nossa estadia lá também vai virar um posto em breve. (cobrem a gente!! deixa ai sua mensagem carinhosa se quiser saber como é o verão em Zurique!)

 

Voltando para Milão!

O nosso retorno para Milão com a Flixbus também foi conturbado.
Estávamos programados para sair de Zurique as 19 horas mais ou menos, lá pelas 16 horas recebemos um SMS dizendo que o nosso ônibus havia quebrado, e nos deram algumas opções:

1 – Esperar o nosso ônibus, seja qual for a hora que ele partisse. Em troca eles dariam um voucher para viajarmos depois. Mas não disseram o valor desse voucher e nem ideia do horário de partida!  O problema era que tínhamos um ensaio marcado para a manhã do dia seguinte, então, atrasar não era uma opção.

2 – Cancelar a viagem sem multa.

Escolhemos uma terceira alternativa: entramos em contato via facebook com eles (o que funciona muito bem e sempre fui bem atendido, clareza e velocidade de informação). E então mudamos o horário da passagem, para mais tarde sem custo adicional, mas acabamos perdendo o voucher. Foi uma boa saída por que conseguimos aproveitar mais o dia.  O ônibus que chegou era confortável e a viagem foi tranquila! Então não ficamos muito acabados para o trabalho no dia seguinte. No entanto precisamos pegar um taxi da estação até em casa pois o metro já havia acabado.

Mas olha, salvo atrasos e cheiro de xixi (dessa viagem em específico), ainda é uma ótima opção viajar de Flixbus.

Então se você estiver com planos de viajar para esses lados consulte o site deles para planejar uma viagem a outros lugares próximos ou nem tanto.

E claro, se vier para Milão nos avise para fazer suas fotos!!

Share This:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *